Atendimento
(51) 9932-75434

Liderança está em alta! Será que quero isso para mim?

É um imenso prazer iniciar essa conversa aqui com vocês. Principalmente para falar de um assunto que tenho paixão que é o desenvolvimento e comportamento das pessoas.
Vamos debater assuntos pertinentes a carreira, trabalho, liderança e negócios.
Sim, deixo já de antemão o desejo de conhece-los e discutirmos esses assuntos tão importantes e fundamentais nas nossas vidas.

Sempre me considerei uma curiosa por livros e assuntos atuais sobre comportamento. Uma questão tem me chamado demais a atenção nas livrarias: a quantidade de títulos de obras literárias e revistas que trazem o tema da liderança. Virou moda ser líder. Se alguém manifestar dúvida ou pouca vontade de assumir esse posto, julgamos essa pessoa como se fosse um extra-terrestre. Ou você de ser um líder ou não é desse planeta!

Muitas pessoas tem me perguntado se já se nasce líder ou se podemos desenvolver essa capacidade ao longo do tempo. Qualquer função que desejamos desempenhar na vida requer preparo e desenvolvimento. Nós mulheres, não nascemos mães, aprendemos a ser. Assim funciona para liderar também.

Líder e liderança são palavras bonitas, carregadas de muitos significados, como inspirar, comandar, motivar. Ainda estamos aprendendo a liderar e como fazer isso da melhor forma.

Essa semana estou ministrando um curso de liderança feminina e esse tema surgiu para debate: o que implica ser líder? Será que quero isso pra minha vida? Fora todo o glamour, liderança também implica responsabilidade, sobretudo autoconhecimento e a formação de uma identidade de líder. E nem todos tem esse desejo.

Responsabilidade é o ato de responder por algo ou por alguém. Não tem nada a ver com o ato de assumir culpa ou culpar alguém como na maioria das vezes distorcemos esse conceito.
Para liderar uma equipe, um time ou uma família, é fundamental começar por si mesmo. Devemos ser exemplos, ter discursos alinhados com a prática. Obrigatoriamente precisamos saber lidar com as nossas emoções. No mínimo conhece-las. Requer assumir para si as responsabilidades dos resultados obtidos em todas as áreas das nossas vidas. Essa posição não é fácil. Se assim fosse, não precisaríamos de tantos cursos e manuais para sermos líderes. Necessitamos de muita humildade e autoestima. É por isso que ainda temos tantos “chefes” e falta de líderes.

Beijo e até a próxima!